Prof. Fausto J. Pinto não manifesta surpresa pelo agravamento dos números da Pandemia
Share

homem grisalho, óculos e fato

O Diretor na FMUL, Fausto J. Pinto, comentou na Rádio Renascença o agravamento dos números da Covid-19 da última semana, em Portugal, não demonstrando qualquer surpresa, sobre as consequências do abrandamento das medidas na época natalícia e reforçou a importância da Vacina para a Covid-19.. “O resultado é mau e vai piorar, não tenho dúvida nenhuma. Se temos 10 mil pessoas infetadas por dia durante três ou quatro dias, a matemática não falha aqui. Vamos ter uma pressão muito complicada nos próximos tempos”, disse.

Bastante preocupado com a pressão que tem recaído nos Hospitais, o Cardiologista referiu ainda “ (…) ao haver algum alívio de algum tipo de medidas que, infelizmente, são aquelas que têm algum resultado, isso tem consequências. Aquilo que estamos a observar agora é triste, é lamentável, mas não é de nada inesperado para nós que acompanhamos isto com bastante cuidado”, afirmou.