Mestrados

INSCRIÇÕES ABERTAS (4ª FASE) - Até 18 OUT

 

Mestrado em Reabilitação Cardiovascular | Edital

 

O curso de Mestrado compreende a:

a) A frequência e a aprovação num curso de especialização, constituído por um conjunto organizado de unidades curriculares, denominado “curso de mestrado”. A sua frequência e aprovação é certificada.

b) A elaboração e discussão pública de uma dissertação de natureza científica ou de um trabalho de projeto, originais e especialmente realizados para este fim, ou um estágio de natureza profissional objeto de relatório final.

 

 O grau de mestre é conferido após aprovação e defesa pública da dissertação ou relatório de estágio.

Os cuidados paliativos representam hoje um padrão de referência dos cuidados aos doentes com doenças crónicas avançadas e às suas famílias. Esta área do saber decorre do crescente envelhecimento da população e da correspondente mudança nos padrões de mortalidade e morbilidade bem como de um contexto societal de individualização crescente dos laços familiares, mas também como reação a um aumento do sofrimento de populações vulneráveis por abandono ou por obstinação terapêutica numa sociedade crescentemente tecnologizada. Os cuidados paliativos têm-se vindo a implantar progressivamente, na (...)

O aumento da esperança de vida e as modificações ambientais ao nível da disponibilidade alimentar e do sedentarismo criaram condições para uma alteração profunda ao nível da morbilidade e risco de mortalidade dos seres humanos nos países desenvolvidos.

Esta constatação necessita ser acompanhada dum aprofundamento do conhecimento e investigação nesta área, numa perspectiva multidisciplinar.

As transformações ocorridas deverão ser estudadas ao nível universitário, nos ramos de conhecimento que estão afins, duma forma transversal – saúde pública, biologia, bioquímica, genética, psicologia (...)

O Mestrado em Epidemiologia capacita os alunos para a compreensão, análise e execução de estudos de investigação epidemiológica e clínica. Para tal, são propostos 13 cursos (12 obrigatórios e, pelo menos, 1 opcional), que integram conhecimento e práticas em epidemiologia, métodos de investigação, bioestatística e ciências da saúde. Os alunos são acompanhados durante o seu trabalho de tese por um gabinete de apoio e seminários de discussão.

Após a conclusão da componente curricular do Mestrado em Epidemiologia (que corresponde ao Curso de Especialização), o aluno poderá prosseguir para (...)

A Medicina Hiperbárica e Subaquática, fonte constante de novos desafios para a comunidade médica e científica, são áreas do conhecimento científico que se encontram em fase de franca expansão e evolução.

A Medicina Subaquática tem contribuído para o progresso dos conhecimentos científicos relacionados com a bio-oceanografia, tal como da fisiologia e fisiopatologia da imersão. Por outro lado tem beneficiado com o diagnóstico, prevenção e tratamento dos vários tipos de lesões decorrentes da prática de atividades em meio subaquático, assim como do aperfeiçoamento mecânico dos equipamentos (...)

As doenças infecciosas permanecem uma importante causa de morbilidade e mortalidade a nível global. A emergência de novos agentes, a re-emergência de agentes que julgávamos controlados e o desenvolvimento de (multi-) resistências aos antimicrobianos são exemplos da rápida evolução do conhecimento nas áreas de Microbiologia Clínica e de Doenças Infecciosas.

A exigência e responsabilidade no exercício profissional requer atualização e especialização, em ações estruturadas, de profissionais que possam dar resposta adequada às atividades assistenciais mas, igualmente, às áreas científicas e (...)

A Universidade de Lisboa, através da Faculdade de Medicina, confere o grau de Mestre em Neurociências, nas seguintes áreas de especialização:

  1. Neurociência Básicas electrofisiologia, neuroquímica, neurobiologia molecular;
  2. Neurociências Cognitivas memória, aprendizagem, linguagem;
  3. Neurofisiologia EEG, EMG; Estimulação Magnética; Potenciais Evocados;
  4. Neuroanatomia e Neuroimagiologia;
  5. Estudos Populacionais Clínicos investigação clínica;
  6. Neurociências Físicas e de Engenharia aquisição, arquivo e processamento de sinais biológicos. Técnicas de Diagnóstico;
  7. Neurociências Computacionais modelos (...)

O Curso de Mestrado em Nutrição Clínica adota uma metodologia de ensino por problemas, com uma abordagem essencialmente prática, direcionada para o doente institucionalizado, para o doente em ambulatório, e ainda para o indivíduo saudável.

O corpo docente integra Centros de Investigação/Centros de Referência e Prestação de Cuidados relacionados com diferentes patologias e encontra-se envolvido em Investigação Clínica e/ou Básica. Esta integração proporciona aos mestrandos oportunidades de contacto com a investigação diretamente relacionada com a prática clínica. O Curso tem uma ligação (...)

A reabilitação cardiovascular, permite como estratégia de prevenção secundária, recuperar o doente após evento cardiovascular agudo, como um todo, de forma multidisciplinar. Este processo diminui a incapacidade, permitindo o retorno precoce ao trabalho e adiando a reforma, melhora a qualidade e quantidade de vida e reduz os efeitos negativos psicológicos e novos eventos, mais gravosos pela repetição e continuação da progressão da doença.

Numa fase prévia, não menos importante e em continuidade com a prevenção secundária, a prevenção primária deve também ser considerada uma prioridade do (...)

Morada

Avenida Professor Egas Moniz
1649-028 Lisboa

 

Horário de atendimento

2ª / 3ª / 4ª – 10h-13h    

5ª / 6ª – 10h-13h / 14h-16h

 

Telefone
217 985 100

Mestrados e Cursos de Especialização

Ana Estevão
Extensão Interna: 47054
Marta Manso 
Extensão Interna: 47057

Doutoramentos

Andreia Gaspar
Extensão Interna: 47055
Filipa Lopes 
Extensão Interna: 47016

Provas Académicas e Certificação

Ema Geraldes
Extensão Interna: 47050
Mariana Passos
Extensão Interna: 47063

Apoio às Atividades Letivas

Cristina Pereira
Extensão Interna: 47015