• en
  • pt

MESTRADO
EPIDEMIOLOGIA

APRESENTAÇÃO

 

Ano Letivo: 2018/19     |     Início das aulas: OUT’18

 


A informação não dispensa a consulta do edital


Com Acreditação prévia em 2010, por 6 anos

Registo inicial: R/A-Cr 66/2010 de 20-07-2010

Registos de alteração:

R/A-Cr 66/2010/AL01 de 10-10-2017

Com Acreditação em 2017, por 6 anos 

120 ECTS | 4 Semestres | CNAEF 721 Medicina | Código: 6097

Grau atribuído: Mestre

 

Comissão Científica

Prof. Doutor António Vaz Carneiro – Presidente
Prof. Doutor Ruy Ribeiro – Diretor
Prof.ª Doutora Patrícia Canhão
Prof.ª Doutora Cristina Furtado
Prof. Doutor Paulo Nogueira
Prof. Doutor Evangelista Rocha

Apoio à Coordenação
Mestre Dr. Paulo Nicola

INTRODUÇÃO

O Mestrado em Epidemiologia capacita os alunos para a compreensão, análise e execução de estudos de investigação epidemiológica e clínica. Para tal, são propostos 13 cursos (12 obrigatórios e, pelo menos, 1 em 18 opcionais), que integram conhecimento e práticas em epidemiologia, métodos de investigação, estatística e ciências da saúde. Os alunos são acompanhados durante o seu trabalho de tese por um gabinete de apoio e seminários de discussão.

Após a conclusão da componente curricular do Mestrado em Epidemiologia (que corresponde ao Curso de Especialização), o aluno poderá prosseguir para dissertação de Mestrado ou para a tese de Doutoramento, em condições a definir pela Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa (FMUL).

Este curso permitirá:

  • Aprofundar, sistematizar e aplicar conhecimentos e competências em epidemiologia, estatística e métodos de investigação;
  • Obter uma visão multidisciplinar e global da aplicação dos métodos epidemiológicos a diversas áreas da investigação e prática clínica;
  • Obter uma experiência teórico-prática de elevada qualidade, com o apoio e tutoria de investigadores e mentores qualificados.
  • Promover a investigação de excelência em Epidemiologia e áreas relacionadas;

Os programas em detalhe, a lista de docentes e orientadores que têm colaborado no Mestrado em Epidemiologia, bem como as teses produzidas, podem ser consultadas em http://edu.uepid.org;

OBJETIVOS

OBJETIVOS GERAIS

Aprofundar conhecimentos e competências em Epidemiologia, Estatística e Metodologia de Investigação Clínica e bem como promover a investigação de excelência em Epidemiologia e áreas relacionadas.


OBJETIVOS ESPECÍFICOS

  1. Dotar os alunos de competências críticas e capacidades relativas ao desenho e condução de investigação clínica e epidemiológica;
  2. Capacitar para a construção de propostas metodológicas robustas, eficientes e eficazes, no que concerne à amostragem, construção de instrumentos de medição e processos de recolha de dados;
  3. Permitir autonomia e competência em técnicas de análises de dados;
  4. Dotar os alunos de capacidade conceptual e analítica que lhes permita formular questões de investigação, propostas de projeto e de análise nos vários contextos e áreas clínicas, epidemiológicas e relativas à saúde pública;
  5. Dar a conhecer da comunidade que realiza investigação clínica e epidemiológica em Portugal, bem como da sua experiência e recursos;
  6. Dar a conhecer de que forma a epidemiologia é usada em diversas áreas e contextos de especialidade, multidisciplinaridade e de investigação;
  7. Proporcionar uma experiência de autonomia científica, com apoio e orientação, nas várias fases do processo científico, como a proposta e crítica de projetos, a execução de projetos e a divulgação de resultados.

AQUISIÇÃO DE COMPETÊNCIAS E OPORTUNIDADES DE CARREIRA

O Mestrado em Epidemiologia possibilita a aquisição de competências fundamentais para:

  • O apoio às atividades de investigação em saúde clínica e epidemiológica (por exemplo, em contexto clínico, nas Contract Research Organizations ou nos Serviços de Investigação, Epidemiologia);
  • A avaliação epidemiológica em saúde, incluindo áreas de vigilância epidemiológica e saúde pública;
  • A condução de estudos observacionais nas áreas clínicas (prognóstico, diagnóstico) e avaliação de efetividade de intervenções, entre outros;
  • A integração de informação epidemiológica na decisão clínica, em saúde pública e em economia da saúde.

Assim, o Mestrado capacita para a investigação clínica e para carreiras na área da saúde, saúde pública, consultoria, investigação e desenvolvimento.

DESTINATÁRIOS E VAGAS

Destinado a licenciados ou mestres em Medicina, Enfermagem, Ciências Farmacêuticas, Ciências da Saúde, Medicina Veterinária, Ciências Sociais e Humanas, Matemática / Estatística e outros profissionais de saúde ou outros com interesse na aquisição de competências em epidemiologia, investigação e análise estatística de dados clínicos.

O curso funcionará com um mínimo de 12 inscrições e um máximo de 25.

PLANO DE ESTUDOS, CALENDÁRIO E PROGRAMA DAS UC's

Calendário e Programa das Unidades Curriculares

Consultar

Copyright 2019 | Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa |